Ter, 13 de setembro de 2022, 13:48

UFS inicia implantação de salas inteligentes em Itabaiana
Projeto visa ter controle mais eficiente do consumo de energia elétrica
O projeto é uma solução de hardware e software, que combina interruptores adaptados, relê, módulos, sensores de presença e de umidade, além de um micro-controlador. (fotos: Adilson Andrade/Ascom UFS)
O projeto é uma solução de hardware e software, que combina interruptores adaptados, relê, módulos, sensores de presença e de umidade, além de um micro-controlador. (fotos: Adilson Andrade/Ascom UFS)

A Universidade Federal de Sergipe iniciou a implantação das "salas inteligentes". A iniciativa começa a ser implementada nas salas de aula do Campus de Itabaiana, que começam a receber sensores para automatizar esses ambientes. Com os equipamentos interligados aos servidores da universidade, será possível ter um controle mais eficiente das lâmpadas e dos ar-condicionados.

O projeto é uma solução de hardware e software, que combina interruptores adaptados, relê (equipamento eletrônico que permite a abertura e fechamento de um circuito elétrico), módulos, sensores de presença e de umidade, além de um micro-controlador. Esses equipamentos se comunicam via bluetooth e permitem que as luzes ou os aparelhos de ar possam ser acionados de maneira automática ou manual.

O projeto surgiu a partir de uma demanda da Superintendência de Tecnologia da Informação (STI), que solicitou à Fábrica de Software da UFS uma solução para o controle de consumo de energia elétrica. A fábrica ficou responsável pelo desenvolvimento do aplicativo. Interligado aos sensores, é possível ter o controle sobre os equipamentos a partir de um smartphone.


É possível ter o controle sobre os equipamentos a partir de um smartphone, via aplicativo
É possível ter o controle sobre os equipamentos a partir de um smartphone, via aplicativo

A automatização de luzes e dos ar condicionados permitirá que, a partir dos horários das aulas, o sistema seja programado para ligar ou desligar os aparelhos. Os equipamentos ainda poderão ser acionados a partir dos sensores de presença ou via aplicativo. "Pode parecer num primeiro momento que seja só uma automatização, mas nossa intenção é que no futuro possamos começar a trabalhar com inteligência artificial para, por exemplo, fazer um ajuste na temperatura do ar-condicionado de acordo com a quantidade de pessoas no ambiente", lembra o professor André Silva, do Departamento de Sistema de Informação (DSI), que é responsável pela parte do projeto que gerencia os sensores.

A iniciativa conta com o envolvimento direto dos alunos do curso de Sistema de Informação de Itabaiana. "Em projetos como esse, colocamos os alunos imersos para pensar em soluções." reforça o professor André Silva


André Silva é professor do Departamento de Sistema de Informação do Campus de Itabaiana
André Silva é professor do Departamento de Sistema de Informação do Campus de Itabaiana

O projeto está em fase de implantação no Campus de Itabaiana e deve se estender para os outros campi da Universidade Federal de Sergipe. Idealizado antes mesmo da pandemia, envolveu fases teóricas e técnicas. A implantação começou no mês de agosto e deve seguir até outubro na unidade.

"Mesmo antes dos cortes no orçamento federal, a economia de energia já era uma preocupação nossa. A ideia do projeto é otimizar os custos, monitorar o uso e evitar o desperdício de energia. A expectativa é que possamos evitar uso desnecessário de aparelhos." afirma o professor Marcos Dósea, coordenador da Fábrica de Software da UFS.


Marcos Dósea é coordenador da Fábrica de Software da UFS.
Marcos Dósea é coordenador da Fábrica de Software da UFS.

Na fase inicial de implementação, os coordenadores de bloco poderão gerenciar os equipamentos pelo aplicativo. Com o andamento do projeto, estima-se que os professores poderão se autenticar na ferramenta para ter o controle dos aparelhos, evitando assim o acionamento manual.

Créditos da matéria:

Vitor Belém - Ascom UFS

comunica@academico.ufs.br

Republicado por:

Secom UFS - Campus de Itabaiana

comunicaita@academico.ufs.br


Atualizado em: Ter, 13 de setembro de 2022, 14:02
Notícias UFS